Saiba como implantar a coleta seletiva em condomínios

coleta seletiva em condomínios é a coleta dos resíduos depois da separação prévia pelos apartamentos de acordo com o tipo, recicláveis (metais, papel, papelão, plástico, caixas de leite) ou rejeitos (não recicláveis). Ela pode ocorrer por coleta porta a porta (serviço público ou privado) ou por ponto de entrega voluntária (PEVs).
Apesar dos conceitos de reciclagem e coleta seletiva não serem novidade para boa parte da população, eles ainda encontram dificuldade para se estabelecerem na prática. Mesmo que muita gente não tenha o hábito de separar os diferentes tipos de lixo em suas próprias residências, muitos já usam o serviço em praças de alimentação e em alguns prédios comerciais, mas a separação dos materiais é feita por meio de lixeiras diferenciadas por cor, que indicam quais os materiais recicláveis devem ser separados do lixo comum na hora do descarte .
Alguns prédios residenciais já tornaram a coleta seletiva como padrão, mas muitos condomínios ainda buscam colocar em prática esse sistema e encontram dificuldades para saber como e onde começar.
Algumas dicas do Natureza Viva para separar o lixo corretamente:
         * Definir quais materiais serão coletados;
         * Conscientização da importância do descarte correto;
         * Cuidado com papéis e plásticos;
         
         * Treinamento para os responsáveis

         * Retirar periodicamente os materiais
Fonte: www.e-cycle.com.br
Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.