Coleta seletiva: saiba como identificar as cores das lixeiras corretamente

A separação dos resíduos seletivos foi facilitada a partir da utilização de cores para identificar cada tipo de rejeito. Mas você sabe a que tipo de lixo corresponde cada cor? Neste post, vamos explicar essa correspondência de cores da coleta seletiva e detalhar melhor o que pode ser descartado em cada lixeira.

Cores e resíduos

De acordo com resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), existem dez cores diferentes para identificar os tipos de resíduo. Elas devem ser utilizadas nas lixeiras e em todos os materiais de divulgação de coleta seguindo essa classificação, com o objetivo de padronizar e facilitar a identificação dos rejeitos. A resolução também recomenda a mesma hierarquia de cores em programas de coleta seletiva estabelecidos pela iniciativa privada.

Vamos conferir qual é essa classificação?

  • Azul: papel ou papelão
  • Vermelho: plástico
  • Verde: vidro
  • Amarelo: metal
  • Preto: madeira
  • Laranja: pilhas ou baterias
  • Branco: resíduo hospitalar ou de serviço de saúde
  • Roxo: radioativo
  • Marrom: orgânico
  • Cinza: não reciclável ou contaminado

Claro que, nem sempre encontramos espaços com lixeiras de todas as cores. As mais comuns são a marrom (para orgânico), a azul (papel ou papelão), verde (para vidro), amarelo (metais) e vermelho (plásticos). Também é importante ressaltar que, em algumas cidades a coleta de lixo está identificada em apenas duas cores, uma para orgânico (normalmente verde ou marrom) e outra para seletivo (normalmente amarela ou laranja).

O que vai em cada lixeira

Sabendo identificar as cores de cada lixeira, é importante detalharmos o que corresponde a cada tipo de resíduo.

– Azul: papel ou papelão

Impressos em geral, jornais, revistas, caixas de papelão, embalagens de supermercado, caixas de leite etc.

– Vermelho: plástico

Garrafas, potes de shampoo ou cremes, sacos e sacolas, papéis plastificados, embalagens de biscoito e similares, tubos ou canos, saquinhos de leite, embalagens de produtos de limpeza.

– Verde: vidro

Garrafas de cerveja ou vinho e derivados, frascos de perfume e similares, potes de conserva, vidros em geral. Lembre-se de sempre acondicionar os vidros corretamente na hora de descartar para evitar acidentes com profissionais de empresas de coleta ou recicladoras.

– Amarelo: metal

Latinhas de refrigerante e cerveja, molduras de quadros e esquadrias. Metais são ferro, alumínio e similares.

– Marrom: orgânico

Restos de comida, papel higiênico usado e outros resíduos que não possam ser reaproveitados ou reciclados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.